Meu site não aparece no Google, e agora?

indexacao-google

Site que não aparece no Google está com os dias contados, certo? Sim e não, já que você pode utilizar outras formas de divulgação do seu site, como facebook, divulgação direta e qualquer outra mídia, até adesivo colado no vidro do carro pode dar certo. Se você tem uma loja física, é bem provável que utilize o enderço do seu site em materiais gráficos, por exemplo.

Mas é um fato concreto que um bom posicionamento nas buscas do Google é bom e necessário para qualquer site ter sucesso, indiferente do tema, segmento de atuação ou mercado.

E aí, Edu, conta logo como faz…

Calma aí. Você tem que saber que existem duas formas de fazer o site aparecer no Google, e para entender isso, vamos contar duas historinhas.

Historinha 1

Cláudia Helena era estudante de publicidade e adorava fazer bolos. Um belo dia resolveu que ao invés de dar um presente para sua amiga, faria o bolo de aniversário para a festa surpresa que a turminha estava aprontando. Entre um elogio e outro, ela decidiu atender alguns pedidos por encomenda. Depois de alguns dias ela colocou seu site no ar para vender pela internet. Com a ajuda de um dos professores da faculdade, ela fez uma campanha Links Patrocinados, e em questão de horas seu site já estava lá aparecendo e recebendo novos pedidos.

Bolos-claudinha

Os anúncios aparecem na parte superior, lateral ou inferior dos resultados de busca no Google, com a etiqueta amarela Anúncios. 

Historinha 2

Luiz Armando cresceu assistindo filmes clássicos com seus pais, ele ficava lá por causa da pipoca, e no começo não entendia nada, mas depois o cinema virou uma paixão. Então entre uma sessão de cinema e outra, ele resolveu que ia ter um blog para falar de cinema. Aos poucos ele percebeu que além dos amigos, mais gente que ele nem conhecia estava em seu site para comentar sobre os filmes que ele assistia, e até ingresso de cinema ele começou a ganhar, só para comentar sobre o filme posteriormente em seu blog. Luiz começou tudo como um passatempo, mas o fato de escrever para um público específico, de forma regular e relevante, tornou o blog dele em uma boa referência sobre o tema aos olhos do Google.

Luiz-Armando

O Pipoca Queimada (nome que eu inventei e nem conferi se existe), aparece em primeiro lugar para a busca cinema cult, isso significa que o Luiz escreveu e reuniu bastante conteúdo sobre o tema, se tornando a referência sobre o assunto.

Resumindo, a Cláudia aparece no Google através dos Links Patrocinados (pagos); enquanto Luiz Armando aparece no Google através dos resultados orgânicos (free, na faixa). Então tanto Cláudia e Luiz estão no Google, mas utilizando maneiras diferentes de se fazer isso.

Claro que usar Links Patrocinados não exclui a possibilidade de aparecer organicamente, e aparecer organicamente não impede você de utilizar os Links Patrocinados. Claudinha pode lançar um blog em seu site pra falar de receitas de bolo da vovó e trocar figurinhas com outras boleiras, enquanto Luiz pode usar os Links Patrocinados para promover ainda mais seu site e fidelizar mais leitores.

Aparecer no Google envolve mais aspectos técnicos, mas este é apenas um post introdutório ao tema. Se é você quem vai colocar a mão na massa, seguem 2 links úteis:

Google Ferramentas para Webmasters – Webmaster Academy

Google Adwords (me peça CUPOM de R$150 grátis para anunciar)

PS: Cuidado com baboseiras que você pode ler por aí, gente que promete fazer seu site decolar de um dia para outro, cursos mágicos e apostilas grátis. Depois não vai falar que não avisei.

Aprenda mais sobre páginas no Facebook comigo.

admin
Especialista em Marketing Digital que quer fazer a sopa de letrinhas do nosso mundo ser mais fácil de engolir.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *